Blog

SAIBA COMO FINANCIAR

14/08/2019 Voltar às notícias
SAIBA COMO FINANCIAR - Santer Empreendimentos

Quer substituir o seu aluguel pela prestação da sua casa própria? O financiamento habitacional é a melhor opção para você!

Atualmente no Brasil, está muito fácil de financiar a casa própria e pagar uma prestação semelhando ao valor de um aluguel. Surgem várias dúvidas na hora de tomar a decisão do financiamento, mas foram criados diversos mecanismos para democratizar e facilitar a compra de uma propriedade. O financiamento imobiliário é a solução para quem deseja comprar um imóvel, mas não possui o dinheiro para o pagamento à vista.

Embora seja uma operação bastante comum, muitas pessoas ainda têm dúvidas e receios por não saberem exatamente como funciona e por onde começar. Confira o texto abaixo e entenda quais são os tipos de empréstimos imobiliários disponíveis e como começar um financiamento para conquistar o imóvel dos seus sonhos!

Modalidades de Financiamentos:

 

  • SBPE (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo)  trata-se de uma Carta de crédito  que utiliza recursos próprios(do próprio sistema) para facilitar aos clientes a aquisição de imóveis. Nesta opção, você pode possuir outros imóveis em seu nome, não há limite de renda e o financiamento pode ser feito dentro ou fora do Sistema Financeiro de Habitação.
  • MCMV (Minha Casa Minha Vida) é uma iniciativa do Governo Federal que oferece condições especiais para o financiamento de moradias nas áreas urbanas para famílias que preencham os pré requisitos do programa. Nesta modalidade, dependendo da renda o governo oferece subsídios, ou seja, um desconto na hora do financiamento.

Prazo de pagamento da dívida:

O prazo dos financiamentos depende da modalidade, pode chegar até 420 meses. O prazo é definido em contrato, mas as parcelas podem ser antecipadas com recursos próprios ou preenchendo o requisito do FGTS, também pode ser abatido com recurso do seu FGTS, sendo que o prazo inicial pode cair muito quando se antecipa as parcelas.

Entrada:

A entrada é de 10% a 20%  sendo que você pode utilizar o seu FGTS como entrada e na modalidade MCMV o subsídio que o governo oferece, pode ser utilizado como entrada. No caso do FGTS, para utilizar existem alguns requisitos a serem comprovados, tais como: único imóvel na região, morar ou trabalhar na região, ter mais de 3 anos de conta FGTS aberta, entre outros.

A Santer empreendimentos, facilita também a entrada para você, parcelando diretamente com a construtora, dependendo do empreendimento o parcelamento pode ser em até 40 meses..(sob analise de crédito)

Sistema de amortização do empréstimo PRICE e SAC:

  • Price:  as parcelas são fixas. Neste sistema, a maior parte da primeira prestação é formada por juros. Ao longo do financiamento, o valor pago em juros cai e a amortização sobe, mas o valor da parcela é sempre o mesmo.
  • SAC : mantém o mesmo valor de amortização do capital durante o financiamento, mas diminui o valor pago em juros, o que reduz o valor da prestação durante o contrato, ou seja, as parcelas são decrescentes, iniciam mais altas e vão diminuído no decorrer do prazo.

Para realizar a escolha do sistema de amortização, o consultor imobiliário realiza simulações de financiamento e apresenta para analise do comprador.

Simulação:

Para fazer uma simulação personalizada, você não precisa sair de casa. A Santer faz a simulação para você! É gratuita, rápida e fácil. Clique aqui para fazer o contato. Se seu perfil for aprovado, você já poderá iniciar o processo de financiamento.

Veja as informações que serão solicitadas na simulação dos proponentes(pessoas que irão contratar o financiamento, podendo ser 2 pessoas ou mais):

– Renda bruta

– Data de nascimento

– Se possui dependentes (filho menor de 18 anos ou outro dependente declarado)

– Se possui mais de 3 anos de registro em cateira no regime FGTS, contando todas as empresas trabalhadas

Faça agora uma simulação gratuita com a Santer e comece a planejar seu futuro!

Ligamos para você